CONFIRA 07 DICAS PARA DEIXAR A MANUTENÇÃO DOS SEUS PNEUS EM DIA


Os pneus são itens essenciais para o bom funcionamento de qualquer automóvel e por isso merecem total atenção de todos os responsáveis pela segurança, sejam motoristas, donos de frota ou fiscais de qualidade.


Essa atenção além de prevenir acidentes ainda garante também um desgaste menor e mais controlado dos pneus, que são itens considerados um dos mais caros em um caminhão, por exemplo.


Ainda não valorizada da maneira que deve, a manutenção dos pneus precisa ser feita periodicamente levando em consideração os sinais que o veículo e os próprios pneus apresentam. Além disso, algumas atitudes podem garantir que seus pneus estejam sempre aptos para o funcionamento seguro.


Continue conosco e confira abaixo algumas delas.


Cuide dos seus pneus na hora de dirigir


Um dos principais pontos de cuidado com os seus pneus é na hora de dirigir seu veículo. A direção defensiva pode ser sua melhor amiga quando o assunto é preservar seus pneus. Dirigir mais devagar ajuda a manter tanto a estabilidade e a segurança do veículo quanto a durabilidade dos seus pneus.


Forçar muito seus pneus, seja em subidas, descidas ou curvas é um dos maiores motivos de desgaste precoce dos mesmos. Ao realizar atos bruscos, como freadas ou arrancadas, o pneu acaba por se arrastar no chão, gastando a borracha mais rápido.


Procure rodar em horários de sol mais ameno


Além do trânsito menor, com mais tranquilidade para realizar uma direção defensiva e mais tranquila, horários como o final da tarde e à noite tem ainda a vantagem de deixarem o asfalto mais fresco. O asfalto quente causa um desgaste bem maior aos pneus, as altas temperaturas somadas a alta abrasividade encontrada no asfalto produzido no nosso país, são verdadeiros “comedores” da borracha dos pneus.


Mesmo assim nunca ultrapasse as 8 horas de jornada diárias, com possibilidade máxima de 4 horas extras, definidas pela lei dos caminhoneiros, nem seus limites físicos levando o cansaço e o sono em consideração. Aproveite sempre os horários do entardecer e da noite, e só trafegue de madrugada se estiver descansado e disposto para isso.


Fique de olho na hora de recauchutar o seu pneu


Outro ponto importante para a conservação dos pneus, e da segurança de motoristas e passageiros, é estar sempre de olho na hora de recauchutar o seu pneu. As marcas que evidenciam esse momento são visíveis e podem ser medidas por qualquer motorista.


Desgastes, furos, rasgos, ressecamentos são sinais de que o pneu não se encontra mais em boas condições de trafegar e deve ser recauchutado. Adiar esse processo pode levar o item a um desgaste extremo em que não haverá outra possibilidade a não ser troca-lo definitivamente.


Faça as manutenções periódicas


Grande aliado na hora de preservar seus pneus, as manutenções periódicas não devem ser deixadas de lado nunca. Por mais simples e cotidianas que elas possam parecer, com certeza fazem uma grande diferença no desgaste dos pneus.


A calibragem feita semanalmente garante a pressão certa dentro dos pneus. O alinhamento e o balanceamento do veículo devem ser feitos a cerca de cada 15k rodados, mas isso varia bastante de veículo para veículo. Esses procedimentos além de conservarem os pneus garantem ainda a segurança como um todo.


Mantenha seus pneus limpos


Essa pode ser encarada como uma dica boba, mas não subestime a importância dela. Os pneus são a parte do veículo que fica em contato direto com o solo, e com todos os tipos de sujeira. Algumas delas podem danificar o pneu se ficar em contato com ele.


Resíduos de graxa, pedaços soltos de borracha, materiais pontiagudos galhos, restos de comida, todos esses itens, entre outros, podem estragar seu pneu e comprometer a segurança de todo o veículo.


Sempre que possível limpe seus pneus. Uma tarefa simples e rápida que pode proteger e prolongar a vida útil dos seus itens.


Evite os “jeitinhos”


Muitas vezes, quando percebermos um “probleminha” fácil de ser corrigido, ficamos tentados a dar um jeitinho e resolvermos de maneira mais rápida ou mais barata, para evitar custos ou maiores inconvenientes, como ter que parar o caminhão.


Essa pode ser uma das piores escolhas quando se trata de pneus. Além de serem itens essenciais para a segurança do veículo esses reparos feitos de qualquer jeito podem estragar de vez o pneu e levar a necessidade de compra de um novo, o que é sempre mais caro do que consertos corretos, feitos por quem entende, independente do tamanho do problema.


Atenção aos sinais do automóvel


Os automóveis quando não estão funcionam em seu perfeito estado costumam apresentar sinais bem claro sobre. É importante estar sempre atento a vibrações, ruídos e aspectos que estejam fora do comum.


Confira algumas situações que podem acelerar o desgaste dos seus pneus e merecem todo o cuidado:


- sentir alguma instabilidade no volante;


- sentir perda de tração no automóvel;


- barulhos na suspensão;


- sulcos dos pneus muito baixos (pneu careca)


- ressecamento dos pneus


- válvula de ar ou o bico do pneu ressecados ou quebrados.

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo